Como a Lua permanece girando ao redor da Terra?

Como a Lua permanece girando ao redor da Terra?

12 de janeiro de 2019 0 Por Jonas Estefanski
Compartilhar:

A Lua é o único satélite natural da Terra e está a uma distância de aproximadamente 380.000 km. Um bom questionamento a respeito desse satélite é por que ele simplesmente não cai?

Newton responde!

Isaac Newton, no século XVI, imaginou a possibilidade de colocar objetos quaisquer em órbita ao redor da Terra, ideia que explica como a Lua é mantida em sua trajetória sem cair sobre nosso planeta.

Newton observou que, ao lançar uma pedra com determinada velocidade horizontal, a trajetória do objeto faz uma parábola até chegar ao solo. Isso acontece porque a força gravitacional da Terra sobre a pedra puxa-a em direção ao chão.

Cada vez que a velocidade de lançamento é aumentada, o objeto atinge distâncias maiores, então, o físico inglês imaginou que deveria haver uma velocidade suficientemente grande capaz de fazer com que o objeto arremessado desse um giro ao redor da Terra e voltasse à sua posição inicial.

Esse raciocínio explica como é possível lançar satélites e mantê-los ao redor da Terra. Esses objetos são lançados com uma velocidade tal que eles conseguem dar a voltar no planeta, acompanhando sua curvatura e executando um movimento de queda contínuo. Os satélites estão em um movimento de queda infinito ao redor da Terra e, por isso, nunca chegarão a tocar o solo.

Por que a Lua não cai?

A velocidade de giro da Lua ao redor da Terra mantém-na em um movimento de queda infinito ao redor do planeta, por isso, o astro nunca atinge o solo terrestre. O movimento da Lua não encontra resistência no espaço, pois ocorre no vácuo, a velocidade é mantida e nosso satélite sempre se manterá em órbita.

Fonte:

https://mundoeducacao.bol.uol.com.br

KF