Ex-Engenheiro da Área 51: “Nós Capturamos Alienígenas e Usamos Sua Tecnologia”

Ex-Engenheiro da Área 51: “Nós Capturamos Alienígenas e Usamos Sua Tecnologia”

4 de janeiro de 2023 0 Por Jonas Estefanski
Compartilhar:

Bill Uhouse ex-engenheiro da Área 51 disse que trabalhou de 1966 a 1979 nas instalações secretas da base. Lá ele percebeu que os Estados Unidos estão mantendo alienígenas presos enquanto roubam sua tecnologia.

Uhouse faleceu em 2009, mas nos deixou uma das maiores revelações da ufologia. Ele trabalhou como engenheiro mecânico na Área 51 ao lado de um alienígena cinza conhecido como “J-Rod”.

Bill Uhouse e a verdade sobre a Área 51

O ex-engenheiro garantiu que trabalhou com J-Rod para construir um simulador de voo para treinamento de pilotos da Força Aérea. Esses pilotos voariam em naves avançadas de reconhecimento furtivo da USAF, desenvolvidas por OVNIs de engenharia reversa.

Ele explicou que se comunicou com o alienígena por meio de uma tecnologia que adapta seu uso aos humanos. Sofisticados softwares de tradução permitiram que cientistas e engenheiros humanos trabalhassem ao lado de alienígenas Greys, comunicando-se via telepatia.

De acordo com Uhouse, J-Rod mostrou aos humanos na instalação como controlar e pilotar um OVNI.

Alega-se que existem diferentes raças de Greys. Esta raça inclui Tall Greys, Short Greys e outros Greys de tamanho humano. No entanto não está claro qual raça J-Rod representava na Terra.

Uhouse também afirmou que o trabalho de pesquisa de engenharia reversa realizado por humanos e alienígenas não é uma coisa nova. De fato atua em diferentes instalações subterrâneas em todo o país. Algumas das bases mais conhecidas são a Área 51 e a Base Dulce.

Acredita-se que a instalação subterrânea de Dulce localizada sob Archuleta no Condado de Rio Arriba, Novo México seja muito mais massiva e importante do que a Área 51.

Lidar Com Alienígenas

Segundo relatos de ex-trabalhadores a construção das instalações pelo governo começou com 2 presidentes; Harry Truman e Dwight Eisenhower. Elas foram construídas para que os cientistas alienígenas pudessem trabalhar.

O tratado com os alienígenas incluía um acordo pelo qual o governo permitia que os alienígenas estabelecessem instalações de pesquisa subterrâneas. Lá seriam realizadas pesquisas biogenéticas para desenvolver seres híbridos com humanos.

Para facilitar esta investigação o governo permitiu que o sequestro de um número limitado de humanos fosse usado para estudo. Em troca os alienígenas forneceriam tecnologia avançada, especialmente aeroespacial.

Portanto acredita-se que a maioria dos casos de abdução vem dos Greys ou reptilianos para tais experimentos.

Embora as autoridades saibam que os alienígenas violam os termos sob os quais os acordos de 1950 foram assinados eles não foram capazes de detê-los.

Cada instalação subterrânea é equipada com amplos laboratórios de engenharia. A instalação também tem seções onde eles experimentam humanos e alienígenas abduzidos.

As declarações de Bill Uhouse se juntam a uma longa lista de relatos sobre bases subterrâneas e acordos com alienígenas que foram minimizados pela maquinaria da mídia…

Fonte