Menu
0 Comments

Encontrada “passagem para o submundo” em pirâmide mexicana



Compartilhar:

Câmara escondida e “Passagem para o submundo” encontrada sob a pirâmide da lua do México

Arqueólogos encontraram algo surpreendente na Pirâmide da Lua, uma das mais conhecidas do México. Eles descobriram um túnel escondido que vai até uma câmara secreta no centro da estrutura.

Acredita-se que o local servia como palco para cerimônias fúnebres.

A descoberta foi feita com o uso de uma técnica de tomografia. O trabalho foi realizado em conjunto entre o Instituto Nacional de Antropologia e História do México e a Universidade Autônoma mexicana.

Resultados iniciais já indicavam a presença da câmara secreta, mas só agora sua existência foi confirmada.

Os arqueólogos também acreditam que encontraram a entrada do túnel, o que irá possibilitar sua futura exploração. Segundo os pesquisadores, nos anos 1980 foram achados na pirâmide crânios deformados e objetos feitos com pedras esverdeadas, como colares e mosaicos de figuras humanos.

“Não é difícil pensar que haja algo similar no subsolo”, disse Verónica Ortega, diretora do projeto de conservação da pirâmide.

A Pirâmide da Lua (ou Meztli Itzácual) está localizada onde no passado passado existiu a cidade de Teotihuacán, fundada por volta de 150 a.C por povos pré-colombianos.

Ela é a segunda maior pirâmide da área, superada apenas pela Pirâmide do Sol. Especialistas acreditam que as duas estruturas tinham importância religiosa, sendo usadas para celebrar rituais e sacrifícios.

As pedras esverdeadas utilizadas para a confecção de artefatos simbolizavam uma ligação entre o mundo inferior e o plano celeste.

Fonte:

https://www.iflscience.com/

Imagem: Shutterstock.com

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: