Curiosity Captura Algo Estranho Em Marte

Curiosity Captura Algo Estranho Em Marte

1 de setembro de 2022 0 Por Jonas Estefanski
Compartilhar:

O rover Curiosity, que cruza o Planeta Vermelho desde 2012, tem constantemente tirado imagens da superfície da Cratera Gale, onde pousou há quase 10 anos.

Essas fotos são então dispostas em um arquivo especial para revisão pública. Enquanto examinava este arquivo, o escritor Paul Scott Anderson encontrou algo estranho entre as fotografias recentes.

“Olhe para esta rocha magnífica que o rover Curiosity encontrou em Marte ontem”, escreveu ele no Twitter.
O tweet iniciou uma discussão sobre o que poderia estar causando as linhas fluidas e a aparência da pedra em geral.

Dado que Marte já foi um mundo rico em água líquida, é possível que a forma suave da rocha tenha sido moldada há bilhões de anos pelo líquido. Ou, como outro usuário brincou, poderia ser apenas um brinquedo sexual deixado para trás por um marciano descuidado.

Embora a NASA tenha divulgado a imagem ao público, Anderson disse que recebeu uma carta de cessação e desistência de uma empresa alegando que possui a imagem da pedra como NFT.

Os chamados lagos de cratera eram uma visão comum em Marte bilhões de anos atrás, quando havia água líquida na superfície do planeta.

Quando a água na cratera se tornou excessiva, rompeu a borda da cratera, causando inundações catastróficas que cortaram os canais dos rios, cujo padrão agora vemos na superfície empoeirada do planeta.

Um estudo de 2019 liderado pelo professor Goodge da Jackson School of Earth Sciences da Universidade do Texas descobriu que esses eventos ocorreram rapidamente.

“Se pensarmos em como os sedimentos se moveram pela paisagem no antigo Marte, a inundação do lago foi um processo muito importante no planeta. E este é um resultado um pouco inesperado, porque por muito tempo foram consideradas anomalias únicas”, disse o cientista.

Talvez uma dessas inundações tenha “polido” a pedra marciana.