‘CRIATURA COM GARRAS ENORMES’ ASSUSTA MÃE E FILHA EM RIO NOS EUA

‘CRIATURA COM GARRAS ENORMES’ ASSUSTA MÃE E FILHA EM RIO NOS EUA

2 de dezembro de 2022 0 Por Jonas Estefanski
Compartilhar:

Uma “criatura com garras enormes” e de aparência pré-histórica assustou mãe e filha que pescavam no rio Mississippi, próximo à cidade de Brainerd, em Minnesota, nos Estados Unidos, surgindo ao lado do barco delas.

Mas a história que viralizou na web neste mês de novembro não envolveu nenhum bicho desconhecido, ao contrário do que se possa imaginar.

O encontro com o animal gigante aconteceu durante um dia calmo no Niemeyer’s Rugged River Resort, quando Shala Holm e a filha, Avery, decidiram fazer um passeio de caiaque para pescar nas águas perto do resort. Enquanto elas navegavam, algo chamou a atenção da menina.

Havia um bicho enorme se aproximando da embarcação e o barulho da sua respiração ganhou destaque. Como ele ainda estava embaixo d’água, as duas mulheres não conseguiram distinguir que tipo de animal era, mas os braços e garras enormes deixaram as pescadoras com medo.

(Fonte: Facebook/Shala Holm)(Fonte: Facebook/Shala Holm)

Alguns momentos depois, o bicho ficou lado a lado com o caiaque e se agarrou à cesta de pesca que Shala e Avery utilizavam, quando elas finalmente conseguiram ver com o que estavam lidando. Tratava-se de uma tartaruga-gigante em busca dos peixes armazenados no equipamento.

Reencontro com o “monstro”

Como estavam assustadas com o “monstro” de garras enormes, mãe e filha não conseguiram registrar uma imagem dele naquele momento. Para não se passarem por mentirosas, resolveram voltar ao rio Mississippi no dia seguinte e tentar fazer fotos e vídeos da tartaruga.

Usando a mesma cesta com peixes para atrair a criatura, Shala e Avery acabaram chamando a atenção do animal mais uma vez, como a mãe contou em seu perfil no Facebook. E dessa vez, elas estavam preparadas para filmar e fotografar o novo encontro, cujas imagens foram compartilhadas na plataforma.

“Chegar tão perto disso, por mais assustada que eu estivesse, foi uma experiência muito legal”, disse Holm à CBS. “A mão dela era tão grande quanto a minha. E então acrescente as garras ali”, complementou a pescadora.

Cabe ressaltar que o encontro inusitado e assustador aconteceu em julho, durante as férias de verão (no hemisfério norte) da família. Mas a história só repercutiu mundialmente nos últimos dias, quando o resort divulgou as imagens feitas por elas em seus perfis nas redes sociais.

Animal recluso e faminto

Embora Shala tenha dito que o animal “devia ser uma tartaruga de 100 anos”, representantes do Departamento de Recursos Naturais de Minnesota (DNR) acreditam que ela tenha entre 11 e 16 anos. Segundo a porta-voz do órgão, Lori Naumann, há muitas delas nos lagos e rios da região, porém não é tão fácil encontrá-las.

A especialista afirmou que as tartarugas passam a maior parte do tempo embaixo d’água, se alimentando, e que essa foi atraída pelos peixes na cesta. Ela também revelou que o réptil geralmente não é agressivo com os humanos, exceto quando alguém tenta cutucá-lo.