Conheça as regiões da Lua em que astronautas podem pousar depois de 50 anos

Conheça as regiões da Lua em que astronautas podem pousar depois de 50 anos

23 de agosto de 2022 0 Por ucrhyan
Compartilhar:

A NASA ainda não realizou a missão Artemis 1, que está marcada para o próximo dia 29, mas já está prensando na 3. A terceira missão do projeto é especialmente importante pois tem como objetivo colocar humanos na Lua novamente após 50 anos e nesta sexta-feira (19) a agência espacial revelou as regiões do satélite natural onde os astronautas deverão pousar.

Foram mostradas 13 potenciais regiões de pouso pela NASA. Todas próximas ao polo sul da Lua, local que deve ser o foco da missão. “Selecionar essas regiões significa que estamos um passo gigante mais perto de retornar humanos à Lua pela primeira vez desde a Apollo”, disse Mark Kirasich, vice-administrador associado da Divisão de Desenvolvimento da Missão Artemis da NASA.

A NASA identificou as seguintes regiões candidatas para um pouso lunar Artemis 3:

  • Faustini Rim A
  • Pico perto de Shackleton
  • Cume de Conexão
  • Extensão do cume de conexão
  • de Gerlache Aro 1
  • de Gerlache Aro 2
  • Maciço de Gerlache-Kocher
  • Haworth
  • Maciço Malapert
  • Platô Beta de Leibnitz
  • Aro Nobile 1
  • Aro Nobile 2
  • Borda Amundsen
Imagem: NASA

“Quando o fizermos, será diferente de qualquer missão que tenha acontecido antes, pois os astronautas se aventuram em áreas escuras anteriormente inexploradas pelos humanos e estabelecem as bases para futuras estadias de longo prazo”, completou Kirasich.

“Vários dos locais propostos dentro das regiões estão localizados entre algumas das partes mais antigas da Lua e, juntamente com as regiões permanentemente sombreadas, oferecem a oportunidade de aprender sobre a história da Lua através de materiais lunares anteriormente não estudados”, disse Sarah Noble,líder de ciência lunar para a Divisão de Ciência Planetária da NASA.

Segundo a agência, “dentro de cada região, existem vários locais de pouso. Cada uma das regiões selecionadas, das quais locais de pouso específicos podem ser selecionados, é de interesse científico e foi avaliada com base no terreno, comunicações e condições de iluminação, bem como na capacidade de atender aos objetivos científicos. A NASA se envolverá com a comunidade científica mais ampla nos próximos meses para discutir os méritos de cada região”.

Missão Artemis de volta à Lua

A Artemis 3 deve finalmente colocar humanos novamente na Lua e pela primeira vez uma mulher. No melhor dos cenários, essa parte, e mais decisiva do projeto, deve ocorrer em 2025. “Estamos na reta final”, disse o diretor de lançamento do Artemis I, Charlie Blackwell-Thompson , durante uma entrevista coletiva confirmando a data de lançamento da Artemis 1 para o dia 29 de agosto.

Durante o voo Artemis 1, a espaçonave Orion rodeará a lua para testar as tecnologias de que a NASA precisa para apoiar o retorno dos astronautas à superfície lunar. A espaçonave levará dentro de si o manequim ‘Moonikin’, satélites CubeSat e alguns experimentos científicos.